Notícias

12 de março de 2019

Grão-Mestre entrega os novos Rituais de York à Grande Comissão

O Sereníssimo Grão-Mestre, Respeitabilíssimo Irmão Norton Valladão Panizzi, fez a entrega oficial na quinta-feira, 7 de março, dos Rituais dos Graus de Aprendiz, Companheiro e Mestre Maçom do Rito de York (blue lodge). O trabalho foi desenvolvido pela Grande Comissão de Liturgia do Rito, baseado nas instruções recebidas da Grande Loja Maçônica do Estado de Nova York, quando da realização da 1ª Convenção Internacional de Grandes Instrutores do Rito de York, ocorrida em Nova York, nos dias 26 a 28 de janeiro de 2018, no qual se fizeram presentes o Sereníssimo Grão-Mestre, o Grande Secretário de Relações Exteriores, Irmão Roni Fernandes Pinto Júnior, e o Irmão Fernando Mottola, pertencente à Loja David nº 176.

Segundo o Irmão Marcelo Rosa foi um marco histórico a conclusão dos trabalhos para os praticantes deste Rito. Acrescenta que "esse trabalho, além de ser pioneiro em todo o Brasil, só foi possível graças ao apoio recebido da Grande Loja, através do Grão-Mestre".

Até então as Lojas de York trabalhavam com os Rituais reproduzidos pelo Supremo Grande Capítulo de Maçons do Real Arco do Brasil, traduzidos e adaptados para o idioma português que possibilitavam às Potências regulares brasileiras trabalhar os Graus Simbólicos do Rito de York.

O trabalho realizado pela Grande Lojas, por meio da Grande Comissão, é a tradução, ipsis litteris, do material entregue naquela oportunidade, especialmente denominado RITUAL DIRECTOR’S GUIDES.

A ausência do conhecimento prático do ritual, pois pouquíssimos irmãos no Brasil participaram de Sessões em lojas americanas, permitia interpretações variadas, gerando dúvidas e, não raras vezes, a introdução de procedimentos peculiares de outros Ritos na Ritualística do York. Foi justamente isso que levou a Grande Loja do Estado de Nova York a realizar a citada conferência.

O Irmão Marcelo Rosa ainda destacou que a preocupação com a uniformidade do Rito foi externada pelo Grão-Mestre Jeffrey Williamsom, ao abrir oficialmente a 1ª Convenção Internacional de Grandes Instrutores. "O Ritual não é apenas um conjunto de fórmulas. Ele é um dos elos da corrente que une a todos, permitindo-se participar de uma sessão em qualquer lugar do mundo, mesmo sem compreender o idioma. É por isso que supressões ou acréscimos não são admissíveis."

O ritual aprovado pelo Grão-Mestre passa a ser de observância obrigatória em todas as Lojas Simbólicas do Rito York (blue lodge) jurisdicionadas pela GLMERGS.